Carregando...

(51)3715-4829(51)98145-0420Av. do Imigrante, 455 ● Santa Cruz do Sul - RS
Início Entrar Cadastro EQUIPAMENTOSINSUMOSACESSÓRIOSCERVEJAS Blog Quem somos Contato Carrinho [0]

Redução de Doença Cardíaca e Pedras nos Rins

Vamos desmistificar um pouco a cerveja, pois, bebendo em poucas quantidades se torna benefício à saúde e ao corpo. Notícias


Redução de Doença Cardíaca

De acordo com o Eric Rimm, pesquisador da Harvard School of Public Health, a cerveja artesanal  pode diminuir o risco de doenças do coração em cerca de 20% a 40%. Pesquisadores da Universidade de Harokopio em Atenas também descobriram que o consumo moderado desta bebida reduz o risco cardiovascular.

Isto é principalmente devido à fibra solúvel presente na cerveja que ajuda LDL, ou ?mau? colesterol, no sangue. Uma pequena quantidade de cerveja, numa base regular, irá aumentar o nível de HDL, ou colesterol ?bom?, que por sua vez reduz a possibilidade de espessamento e endurecimento das artérias sangue, as duas principais causas de ataques cardíacos.

Também há polifenóis na cerveja, que são antioxidantes saudáveis para o coração.


Redução de Pedras Nos Rins

A cerveja pode diminuir o risco de pedras nos rins. Um estudo na Finlândia foi descoberto que beber cerveja, com moderação diária pode reduzir o risco de desenvolver pedras nos rins em 40%.

O alto teor de água (cerca de 93%) na cerveja ajuda a manter os rins funcionando corretamente e eliminar as toxinas prejudiciais. Além disso, o efeito diurético de cerveja não vai causar a desidratação, o que é uma das principais causas de pedras nos rins.

De acordo com a Academia de Nutrição e Dietética, compostos em lúpulo ajudar a retardar a liberação de cálcio dos ossos, evitando o acúmulo do cálcio perdido nos rins em forma de pedras.

Voltar ao blog
Tecnologia FilialDigital